Peguntas
e respostas

SUA COTA PARTE, SUA USINA, SUA PROPRIEDADE, SUA PORTABILIDADE,
SUA ECONOMIA E SUA ENERGIA!

A Economia Segura Para Seu Negócio e Residência!

1. Qual o objetivo do projeto da Cota Parte?
- Conectar empresas e pessoas com consumo acima de 300 kW/h possam se tornar proprietários da usina (sua cota parte), em local distante do local de consumo dentro da área da Cemig (MG) e receber em forma de compensação energia limpa através da adesão ao Consórcio de energia (se PJ) ou Cooperativa de energia (se PF), sem nenhuma preocupação.
- Nós Cuidamos de Tudo, Sempre! Inclusive do Financiamento.

2. As usinas ficam onde?
- Em todo o estado de MG, principalmente no Norte do estado, beneficiando centenas de famílias produtoras e proprietárias de pequenas propriedades.
- Além de MG estamos com projetos de expansão para vários estados brasileiros.

3. Qual a capacidade de geração da usina e o custo da Cota Parte?
- A capacidade de cada micro usina é de até 110 KWp com geração aproximada de 168 mil kilowatts/h ano.
- O investimento da Cota Parte fica entre 28 a 32 vezes o valor da sua conta de energia (b1 e b3 – baixa tensão).

4. Como funciona a aquisição e a transferência da Cota Parte?
- O interessado deve aderir ao Consórcio de energia (PJ) ou Cooperativa de energia (PF) e contrata a quantidade de energia que atenda seu perfil de consumo, com base no histórico das 12 últimas contas de energia; e,
- Assina digitalmente o Pré-Contrato com cláusula da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) e submete o seu cadastro (dados pessoais / empresa) para instituição financeira que vai financiar sua cota Parte em 96 parcelas, cujo valor será menor que sua atual conta de energia; e,
- Assina de forma digital o Contrato de participação na Sociedade de Propósito Específico (SPE), ref. ao percentual de cotas baseado no seu consumo de energia (“percentual de participação”) e também assina de forma digital adesão ao Consórcio ou Cooperativa de Energia e Contrato de Gestão e Operação da usina (Opex) pelo período de 30 anos (vida útil da usina); e,
- A transferência da Cota pode ser realizada, quando desejado, através da alteração contratual da SPE (“sua Cota Parte na sociedade) com assinatura dos demais sócios.

5. Como funciona a fatura e compensação de energia?
- Durante o período de construção da usina (onde você tem sua Cota Parte) o aderente recebe energia do Consórcio ou Cooperativa agenciados pela Fazenda do Sol com desconto garantido;
- E após o início de operação da usina, o aderente continuará recebendo: (A) fatura da Cemig (consumo mínimo + iluminação pública); (B) Boleto da Operação e Manutenção, Monitoramento, Locação da área e Fundo Reserva (“OPEX”); (C) Parcela do financiamento. Após quitar o financiamento pagará somente taxa mínima da Cemig + Opex (A+B).

6. Qual a diferença na conta de luz a partir do início da compensação?
- Apenas o crédito em kW/h a ser realizado na sua conta de energia. Na conta de luz constará a quantidade de energia consumida (kW/h) e a quantidade de energia injetada (kW/h) a seu favor, fazendo a compensação de forma mensal;
- Se a quantidade de energia injetada em seu nome for maior que a quantidade consumida, o saldo ficará como crédito para os meses seguintes (até 60 meses - poderá compensar esse crédito);
- Se a quantidade de energia injetada em seu favor for menor que a quantidade consumida, e se neste mês não houver saldo a seu favor, o consumidor deverá pagar esta diferença a Concessionária.

7. Há regulamentação para este sistema de compensação?
- Sim. A associação de pessoas físicas em Cooperativas e Empresas em forma de Consórcio para geração distribuída (GD) e compartilhada utilizando a rede da concessionária de energia, é permitida pela Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) através das resoluções 482 de 2012 e 687 de 2015.

8. O que é portabilidade da Cota Parte – como funciona?
- É a permissibilidade (“possibilidade”) do uso da energia gerada na usina remota, em qualquer lugar dentro da área de concessão da Cemig no estado de MG, a qualquer tempo, realizando a solicitação de transferência de titularidade da unidade consumidora (UC) do Cooperado ou Consorciado para o local de consumo desejado.

9. O que é Consorciado ou Cooperado Líder (“Golden Share”)?
- É a legítima PJ e PF devidamente qualificada na Constituição do Consórcio e Cooperativa de energia, com legalidade e poderes para representar ativamente os associados perante ao Consórcio / Cooperativa, Junta Comercial, Cemig, Aneel, etc.

10. Quais benefícios ambientais, sociais e econômicos o projeto Cota Parte proporciona?
- Ambientalmente correto, implantado em propriedades rurais, que mantém e preservam as nascentes, reservas legais, fauna e flora.
- Socialmente Justo, o pagamento do aluguel da área por 30 anos, assegura uma renda mensal para as famílias proprietárias que ali residem, levando dignidade, transformando socialmente a vida de todos; a Construção, Operação e Manutenção (O&M) da usina, haverá geração de emprego, renda e dignidade, no curto, médio e longo prazo.
- Economicamente Viável, de forma direta: para as famílias que estão no entorno da usina (proprietárias) “recebe o aluguel da área”; para a comunidade local “aquece o comércio local”; para o Cotista “reduz o custo com energia”; para o financiador “fomenta, remunera e circula o dinheiro / investimento” gerando riqueza e contribuindo com o meio ambiente; etc.


* As projeções são realizadas considerando o cenário e regras atuais do sistema de Geração Distribuída (Res. 482 e 687 Aneel).
A FDS não tem controle sobre benefícios concedidos e retirados do sistema elétrico, portanto, não garantimos descontos futuros.
* Quanto maior o consumo (KWh) maior será o percentual de desconto, devido ao impacto da Tarifa de Disponibilidade pago a Cemig.

Se preferir, envie um e-mail com sua conta de energia para: cotaparte@cotaparte.com.br